61 Visualizações

Significado dos símbolos de Natal

Presépio de Natal

Símbolos de Natal

A palavra vem do hebraico e significa manjedoura, estábulo. Desde o final do século II já existiam representações do presépio. Inicialmente, eles foram pintados nas catacumbas de Roma.

O presépio é um dos principais  símbolos do Natal  que não pode faltar.

Estrela de Natal (Guia)

símbolos de Natal

ESTRELA: A estrela possui 4 pontas e 1 cauda luminosa. Os 4 pontos representam as 4 direções da terra: Norte, Sul, Leste e Oeste, onde os homens vêm adorar a grande luz que é o Filho de Deus, além de lembrar que Ele veio para todos.

Os Reis Magos

símbolos de Natal

O Evangelho de Mateus é o único que relata a chegada dos sábios do Oriente. No século V, Orígenes e São Leão Magno propuseram chamá-los de sábios. No século 7 eles adquirem nomes populares: Balthazar (deformação de Baal-Shur-Usur-Baal, que protege a vida do rei), Belchior e Gaspar.

Eles trazem ouro, incenso e mirra para o filho Rei, Deus e Salvador. No século XV, grupos étnicos são atribuídos a eles: Belquior (ou Melchior) torna-se branco; Gaspar, amarelo e Baltazar, preto, para simbolizar toda a humanidade que vê e conhece o Salvador.

Boi e Jumento

símbolos de Natal

Esta representação que nos chega dos escritos apócrifos (uma obra cuja autenticidade não foi comprovada), é uma bela lenda dos primórdios do Cristianismo. Nenhum dos textos evangélicos fala da presença desses animais. Seria uma reminiscência do texto do profeta Habacuc, que diz que “o Messias aparecerá entre os animais”.

Um belo texto do século VI, conhecido como Evangelho de Pseudo-Mateus, descreve a cena com o boi e o burro. Esse evangelho apócrifo teve um grande impacto na imaginação popular. Esses animais representam o calor da criação que quer ver vivo tudo o que nasce e deve viver.

Anjos Cantores

símbolos de Natal

Os anjos cantores anunciam as boas novas: “Glória nas alturas do céu e paz na terra aos homens de boa vontade.” Anjos, isto é, mensageiros, aparecem no céu para confirmar o nascimento do Filho de Deus. Os anjos na tradição do Natal cristão são retratados com traços infantis, como um sinal de inocência e pureza.

Pinheiro de natal ou árvore

símbolos de Natal

Tradição nascida na época medieval, do espólio cristão, que reúne dois símbolos religiosos: o nascimento e a vida. Os peças religiosas foram representados como uma grande sucessão popular com igrejas, sempre alusivas ao Paraíso, representadas de forma plástica por uma árvore carregada de frutos.

Esta árvore do paraíso é listada como um dos dois sinais das festividades de Natal celebradas a partir do século XI. Uma árvore atual em Natal surge em Alsácia, no século XVI e no século XVI seguinte se começa a espalhar o hábito de acendê-la com velas. Em 1912, Boston, nos Estados Unidos, inaugurou uma árvore iluminada no centro da cidade, e se espalhou pelo mundo, até mesmo em países não cristãos.

O pinheiro natalino mostra que o mesmo inverno é mais rigoroso, o verde dos seus buquês resiste e seus frutos ficam mais saborosos e comestíveis, e mesmo depois da chegada da nova e rude estação com a neve e geadas permanente. As maçãs, parecem bolinhas vermelhas, presas aos galhos da arvore são sinais de vida diferenciada.

Muitos colocam na árvore frutas secas e cristalizadas para mostrar o outro lado da vida. Ao nos submetermos a este século XX passamos a usar o pinheiro como árvore-símbolo, duas plantas que nunca perderão as folhas durante o rigor do inverno no hemisfério norte.

Coroa do advento

símbolos de Natal

A Coroa do Advento tem como elementos principais o verde e a luz. Trata-se de uma coroa, em geral feita de ramos verdes, enfeitada com quatro velas, envolta de uma fita vermelha. As velas são progressivamente acesas nos quatro domingos do tempo litúrgico do Advento. Em muitos ambientes é colocada nas portas e com isto não é possível colocar as velas.

Universalmente a coroa simboliza o triunfo e a recompensa pela vitória conquistada. O círculo quer simbolizar o tempo, desde a criação do mundo até o fim dos tempos. As velas, isto é, a luz do mundo vai iluminando sucessivamente esse tempo da história.

O tempo da criação, a 1ª vela; a ação libertadora de Deus na história do povo de Deus no Antigo Testamento, na 2ª vela; o aparecimento do próprio Deus na história em Jesus Cristo, na 3ª vela; e Jesus Cristo presente no hoje da história da Igreja e da humanidade até o fim dos tempos, na 4ª vela.

A coroa do Advento também simboliza as alianças de Deus com a humanidade e da humanidade com Deus. Nas escrituras são apresentadas várias alianças: com Noé, com Abraão, com Moisés no Sinai e por fim através Jesus Cristo é feita a nova e eterna aliança e que hoje se renova.

Recordando essas alianças do passado, a comunidade vai preparando sua aliança a ser renovada no santo Natal. A fita vermelha que vai envolvendo a coroa lembra estas alianças. As alianças se realizam pelo sangue, expressão de amor até a morte, como foi a aliança definitiva em Cristo Jesus.

Velas de Natal

símbolos de Natal

Acender velas nos remete à festa judaica de Chanuká, que comemora a retomada da cidade de Jerusalém, hairs irmãos macabeus das mãos dos gregos. Na chama da vela está presente todas as forças da natureza. Acesa à vela é símbolo da individualidade e dos nossos anos vividos. Tantas velas, tantos anos.

E um sopro pode desligá-los para que possamos ligá-los novamente. Para os Cristãos, as velas simbolizam a fé ou o amor consumido em favor da causa do Reino de Deus. Velas são como vidas que você dá para viver.

Sinos de Natal

símbolos de Natal

As renas carregam sinos de anúncio e convocação. Os sinos simbolizam o respeito a pessoa divina e evocam, quando aprisionados em torres, tudo ou que está suspenso entre o céu e a terra, portanto, são ou ponto de comunicação entre ambos.

Neve de Natal

símbolos de Natal

NEVE: Ou o toque mágico de Natal com o frio e o frio da neve do hemisfério norte que obriga as pessoas a manterem em suas casas longe das ruas e conviverem mais dentro de casa.

CARTÕES, PRESENTES e CEIA DE NATAL:

símbolos de Natal

A ceia nos lembra o ato de Amor de Jesus. Lembra também nossa origem judaica enquanto religião que celebra a fé em torno de uma mesa de família.

Papai Noel

São Nicolau, chamado Santa Klaus, bispo de Myra, na antiga região, sudoeste da Ásia Menor, hoje Turquia. Durante o século IV, este notável homem de fé transformou-se lendariamente neste Papai universal e originário que oferece crianças presentes, brinquedos e carícias da terceira idade.

O atual Papai Noel, da vermelho e do saco às costas, nasceu nos Estados Unidos no final do século XIX, como um São Nicolau se transmutando em gnomo ou elfo, e o logotipo transformado em um belo velhinho. Foi apresentado à Europa a partir da Primeira Guerra Mundial e foi imposto aos poucos pela imprensa comercial e por quem queria festejar ou Natal com referências religiosas. hoje é um dos símbolos de Natal mais usados.

Agora decorar a casa no natal ficará mais especial ainda .

saber o significado dos símbolos do natal faz com que o encanto de cada um aumente.

Que o menino Jesus traga muita paz para sua família.

Deixe nos comentários qual dos símbolos de Natal você mais gosta e quais dos símbolos de Natal não pode faltar em sua decoração.

Você pode gostar desse artigo abaixo. Entre e aprecie mais nossos artigos

https://www.pegamensagem.com/2021/07/14/felizes-os-que-promovem-a-paz-porque-serao-chamados-filhos-de-deus/