24 Visualizações

“Esta cultura separa da experiência viva de Deus e prejudica as relações fraternas, produzindo rigidez, apego ao poder num sentido legalista e um exercício de autoridade que é mais poder do que serviço”, lê-se no Documento para a Etapa Continental do Sínodo, especificando que “o clericalismo pode ser uma tentação tanto para os clérigos quanto para os leigos”. No texto, o clericalismo é visto “como uma forma de empobrecimento espiritual, uma privação dos verdadeiros bens do ministério ordenado”

Leia tudo